Não avaliado
Sem dados
Pouco Preocupante
Quase ameaçada
Vulnerável
Em perigo
Criticamente em perigo
Extinta na natureza
Extinta
Boa-arco-íris-brasileira
Epicrates cenchria cenchria

É uma das cerca de 12 subespécies de Boas. As fêmeas são geralmente maiores que os machos. Serpente com coloração castanha ou avermelhada e anéis pretos. Na cabeça distinguem-se três riscas pretas paralelas. A pele é suave e coberta por escamas iridescentes. Apresenta dentição aglifa (dentes cónicos não-inoculadores de veneno) e fossetas termossensoriais através das quais consegue detectar, em plena escuridão, as presas de “sangue quente” (homeotérmicas).

Hábitos

Espécie semi-arbórea e que prefere a proximidade da água. Normalmente caça no solo e mata as presas por constrição (aperta-as como o corpo até que morram por asfixia). Alimenta-se principalmente de roedores e aves.

Atividade
Zoo Imagem
Crepuscular
Vida Social
Zoo Imagem
Solitária
Dieta
Zoo Imagem
Carnívora
Reprodução

A época de acasalamento decorre entre outubro e março.

Reprodução
Zoo Imagem
Ovovivípara
Ovos
Zoo Imagem
2 a 35 crias
Incubação
Zoo Imagem
5 meses
Maturidade Sexual
Zoo Imagem
2,5 a 4 anos
Conservação

Não avaliada (segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza). Está incluída no apêndice II da CITES. Apesar de não ameaçada, a captura para o comércio ilegal pode vir a ser um factor determinante de ameaça.

Distribuição e Habitat

Norte da América do Sul: Venezuela, Guiana e Brasil.
Florestas tropicais húmidas, próximo de água.

Zoo Imagem
 
Classe: Répteis
Ordem: Squamata
Família: Boidae
Tamanho
Zoo Imagem
Comprimento: até 2,5 m
Peso
Zoo Imagem
Apadrinhar
Apadrinhe a Boa-arco-íris-brasileira!
Apadrinhar um animal é um presente único para si ou para oferecer a alguém especial. A sua contribuição vai ajudar na manutenção e bem-estar do seu afilhado sortudo.
Saber mais
Zoo Imagem

SEO da página actual

Zoo Imagem TAGS: boa , arco , iris , brasileira ,
DESCRIPTION: Boa-arco-iris-brasileira. É uma das cerca de 12 subespecies de Boas. Comprimento total: 1,2 a 2,5 m. Femeas maiores que os machos. Serpente com coloracao castanha ou avermelhada e aneis pretos. Na cabeca distinguem-se tres riscas pretas paralelas. A pele